top of page
Design sem nome.gif
  • Info Serrinha e Região

Igor Bregadeira, vocalista da banda A Turma da Bregadeira, celebra show no Ibotifolia

Banda foi uma das atrações do evento realizado na Bahia.



O vocalista da banda A Turma Da Bregadeira, Igor Bregadeira, comemorou o espaço que teve no Ibotifolia Prime, em Ibotirama (BA). Segundo ele, representar a juventude em uma festa de grandes proporções não era algo imaginado nem nos melhores sonhos dele.


“Eu falei durante o show, no palco, que nem nos meus melhores sonhos eu pensava em entrar numa festa dessa proporção. Eu sou lá do interior Itambé (BA), meu trabalho, e a festa está incrível. Estrutura surreal. Muito grande. Muita gente. E eu fico muito feliz por fazer parte de um evento desse. Porque vem muitos artistas, uma galera de fora da Bahia, de outros estados. Mas está num evento deste nivel é mais especial ainda”, disse o cantor.

 

Igor Bregadeira afirmou que, já com o próximo EP, a banda começa a mirar no próximo verão. O vocalista ainda contou estar ansioso para viver a energia do próximo Carnaval, o primeiro após o início da pandemia de Covid-19.

 

“A gente já está pensando no verão. Começou o segundo semestre, para a Bahia, é assim. A gente está esperando muito porque vai ser o Carnaval pós-pandemia. Todo mundo está esperando esse Carnaval, para a gente sentir aquela energia do Carnaval de verdade”, afirmou Igor.

 

Entretanto, a grande novidade da entrevista de Igor após o show foi o anúncio do lançamento da nova música da banda, que um clipe deve ser gravado em São Paulo, nos estúdios Love Funk onde a banda já vem de uma grande parceria com outros hits.

 


“A próxima música que a gente vai lançar agora é uma mistura. Acho que a galera vai gostar. É uma música bem animada”, revelou Igor. “Essa que a gente tá fazendo agora, que a gente vai lançar, vai gravar o clipe, é justamente voltada mais para a internet mesmo”, concluiu.

 

O cantor ainda disse que sonha em gravar alguma música junto a Wesley Safadão e Leo Santana. De acordo com ele, a intenção é inovar e experimentar outros gêneros musicais.

 

“Até mesmo para sair da nossa linha, passear por outras, porque a música hoje é isso. Eu falo nos ensaios, no escritório, com o pessoal da banda: as bandas hoje não são mais de um ritmo só. Eu não canto mais só Bregadeira. A música hoje é digital”, finalizou.

Comments


Design sem nome.gif
bottom of page