top of page
Design sem nome.gif
  • Thiego Souza

Gal - Atemporal

Uma pequena homenagem a uma das maiores vozes da música popular brasileira.

Quarta-feira, 09 de novembro de 2022, hoje nós brasileiros nos despedimos de uma das maiores vozes da música popular brasileira, Gal Costa.


A baiana de Salvador, filha de dona Mariah Costa Pena e de Arnaldo Burgos, mãe de Gabriel Costa, partiu para brilhar em outros solos, e deixou aqui para nós um imenso legado, um legado de resistência, de afeto, de musicalidade e de respeito.


Gal Costa tem uma daquelas vozes que você não se esforça para identificar, seu timbre doce e forte é único, inconfundível. A musa da Tropicália não se permitiu calar durante a Ditadura. Os opressores ficaram para trás e suas canções ganharam força, se tornaram hits que tornaram o Brasil um país unido, forte e vencedor.


Foram 57 anos de carreira, 57 anos de dedicação total a música, 57 anos de muito amor pelo Brasil. Gal foi vencedora do Grammy Latino, eleita a melhor cantora do país em sete oportunidades.


Gal combina com imortal, com genial, com magistral, com atemporal. Você vai, sua voz e suas canções ficam. Gal, que sorte a nossa de ter a oportunidade de te contemplar, de te admirar, de poder celebrar a vida e nos reinventar.


Seguiremos aqui apreciando sua arte.


Muito obrigado, Gal!





Comments


Design sem nome.gif
bottom of page