top of page
Design sem nome.gif
  • Info Serrinha e Região

Governo da Bahia confirma mais de 50 pessoas de Serrinha resgatadas de situação análoga à escravidão

Trabalhadores foram localizadas em alojamento em situação precária no Rio Grande do Sul.


A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH) do Governo do Bahia confirmou que 196 baianos foram resgatados e acolhidos após serem localizados em um alojamento localizado na cidade de Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul, em situação semelhante à escravidão.


Dos 196 baianos, 73 moram em cidades da região do sisal, sendo 52 em Serrinha. Ao chegarem na Bahia foram recebidos na sede da Defensoria Pública da Bahia, em Salvador, e em seguida encaminhados para espaços de acolhimento.


Antes de serem encaminhados os trabalhadores passaram por avaliações médicas, condições de moradia e viabilização de reinserção em programas sociais, e mercado de trabalho.


Em Serrinha os trabalhadores serão acolhidos e vão receber ações da secretaria de Desenvolvimento Social, e outras pastas.


Os trabalhadores foram para o Rio Grande do Sul com a promessa feita por aliciadores de mão-de-obra da cidade de Valente com salários que chegavam perto dos R$ 3 mil, acomodação e alimentação, porém ao chegarem no local descobriram que a atividade em uma vinícola era em condições precárias.


O caso só foi descoberto pois três trabalhadores conseguiram fugir e pediram ajuda.

Comments


Design sem nome.gif
bottom of page